Luciano Silvestrin

Fábio PadilhaBem estar, Saúde

Luciano Silvestrin é terapeuta da Medicina Tradicional Chinesa, com curso de formação na instituição Pro Salus Vitae de São Paulo, uma das mais respeitadas do Brasil e com forte vínculo com Universidades de Medicina moderna e tradicional Chinesa naquele país. Praticante de Liang Cong com formação no instituto Tao Lo de Brasília, praticante de Yoga e meditação desde 1999. Pós graduando em Medicina Chinesa em Brasília, Pós Graduado em Telecomunicações, Graduado em Filosofia e História, Formação técnica em mecânica de processos industriais e música.  Apaixonado pelas plantas, animais e cristais.

A Medicina Chinesa é um conjunto de terapias que tem restabelecem a saúde da pessoa através de práticas que remontam a tempos muito antigos. Alguns livros de Medicina Chinesa foram escritos cerca de 3.000 anos, mas estas práticas existiam nas famílias e eram passadas de pai para filho há milhares de anos. Sua linguagem traduz as doenças em uma sintaxe própria de diagnóstico e tratamento. O diagnóstico pode ser feito, por exemplo, interrogando hábitos do paciente, observando características físicas tais como pulso, orelha, pontos doloridos e muitas outras formas de perceber como anda a saúde dessa pessoa. O tratamento também pode ser feito de inúmeras formas: acupuntura, dietoterapia, moxa, exercícios (tai chi chuan, kung fu, liang cong), fitoterapia, eletroestimulação, massagem, Guácha, entre um grande leque. Sempre com o objetivo de firmar a saúde da pessoa pelo reequilíbrio energético perdido. A natureza do ser humano é ser e estar equilibrada e saudável e o auto conhecimento é a chave de uma boa saúde. E para que servem técnicas terapêuticas? Elas ajudam a pessoa a reencontrar o caminho do seu equilíbrio interior.